Cartas Literárias em Colectânea




Neste meu Livro "CARTAS LITERÁRIAS",  a ser públicado em breve,  eu reuni várias Cartas minhas para Amigos e Conhecidos, e outras desses mesmo Amigos ou Leitores que eventualmente comigo se comunicaram em tempos idos.
Durante quase 4 anos do meu tempo de Serviço Militar obrigatório eu tive várias Madrinhas  de Guerra as quais ajudavam a passar melhor o tempo à espera da então sonhada DISPONIBILIDADE! 
Ficar "disponível" era tão só,  entregar a farda e até aos 45 anos de idade, se convocado plea Pátria, vestiamos a Farda de novo.

Aqui neste Prédio à direita da foto - no segundo andar eu entreguei a Farda e recebi a Minha Caderneta Militar... uns 15 dias depois fiz a minha primeira viagem pela Europa!  Bons tempos!... quem me dera poder fazer tudo de novo! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O tempo é ouro! por isso eu agradeço a todos por dividirem o vosso aqui comigo. Sejam benvindos ao meu Blog da liberdade de brincar com as palavras em Português e outras línguas!

Catramonzeladas Literárias

Assim se fala, assim eu escrevo

Em homenagem póstuma à Saudosa Amiga Maria Fernanda Pinto eu vos trago aqui um texto em resposta a uma das últimas Cartas que ela me e...